Um passeio completo pela LX Factory em Lisboa

Ainda no Brasil, assisti alguns programas de turismo mostrando e apresentando a LX Factory, mas confesso que tinha um pouco de dificuldade de entender o todo do lugar. A LX fica ao lado da zona portuária de Lisboa, embaixo da Ponte 25 de Abril, na região de Alcântara.

Com uma estrutura totalmente industrial, as instalações da LX Factory são cheias de histórias. A origem do empreendimento é do século XIX, tendo como primeiro dono a Companhia de Fiação Lisbonense, uma indústria de tecidos.

Mais tarde, o espaço passou para a Companhia Industrial de Portugal e Colônias e, muito tempo depois disso, para a Gráfica Mirandela. Um dos aspectos mais interessantes, é que as máquinas usadas pela gráfica ainda habitam os prédios de forma decorativa. Algumas peças são enormes e se confundem com a estrutura do lugar e com os estabelecimentos que agora tomam conta do ambiente.

A transformação da antiga fábrica no que é hoje a LX Factory já dura 11 anos. Inicialmente revitalizada com recursos públicos, o espaço foi comprado por uma gestora francesa, a Mainside. Pelo visto deu muito certo. Hoje são dezenas de restaurantes, lojas de arte, bares, cafés, livrarias e um imenso prédio de novas e pequenas empresas. Quase todas com ideias inovadoras. Além de um espaço de coworking bem espaçoso.

O que chama mais a atenção são os grafismos que escondem a deterioração e reinvenção do lugar. São obras de arte por todos os cantos. Os próprios estabelecimentos se integram com o ambiente de uma forma a favorecer a simbiose do lugar.

Cada passo percorrido é um olhar atento para algum ponto novo. Seja um desenho nas paredes ou num sabor a ser descoberto. Falando em sabores, e é por isso que viemos até aqui, como já havia almoçado antes de chegar na LX, decidi provar alguns dos doces que se ofereciam pelo caminho. 

Uma amiga falou muito bem da torta de chocolate da Landeau Chocolates. O velho ditado bate à porta, em Roma, faça como os romanos. Lá fui eu experimentar. Realmente incrível e deliciosa. Pedi um copo de leite gelado para acompanhar já que o dia estava quente. A torta é composta por uma base um pouco mais firme de chocolate, o recheio é um quase mousse de chocolate e a cobertura, adivinhem? Chocolate 70% em pó. Divino.

Detalhe: a loja quase não tem iluminação interna pois o teto é todo de vidro e deixa entrar a luz natural do dia. Deixando a gente ainda mais dentro da LX e fazendo parte da estrutura toda do lugar.

Dei mais umas voltas e muitas fotos a mais e decidi tomar um café. Claro, para acompanhar, mais algumas gulosices. Fui até a Brigadeirando. Já deu pra sentir o que está por vir? Sim, brigadeiros. Pedi um café e dois docinhos para provar… sim, ahã! Pedi o Cacau 70% e o de Lima (limão mesmo). Ambos fantásticos. O de cacau tinha pedacinhos bem crocantes de cacau na volta e não era muito doce. Por isso, deixei o mais docinho pro final. O de limão. Valeram cada suspiro.

Já estava final de tarde e decidi ficar por lá pra assistir ao jogo do Brasil e Bélgica, pelas quartas de finais da Copa do Mundo de 2018. Todo mundo já sabe o que aconteceu, né? Pelo menos os dois chopes ou imperiais, como dizem aqui, valeram para matar a sede de gols.

 

A conta

  • Torta de Chocolate 3.5 €
  • Copo de Leite 1.5 €
  • 1 Café 1 €
  • 2 Brigadeiros 3 €
  • 2 Imperiais 3 €

Total = 12 €

 

LX Factory
Rodrigues de Faria 103, 1300 – 501 Lisboa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 3 =